RANtoCore

Cumprir o potencial da evolução 4G e a introdução do 5G exigirá uma abordagem inovadora e dinâmica para a arquitetura de rede, para apoiar todos os use cases propostos.

O mercado está se preparando para convergir redes de acesso a rádio (RAN) e redes Core para levar funções e recursos de processamento mais próximos ao usuário, a fim de reduzir a latência e a carga de tráfego, bem como aumentar a largura de banda na rede.

Testes rigorosos durante a fase de desenvolvimento desse novo ambiente são vitais para o sucesso de implementações comerciais. Nossos TM500 e TeraVM oferecem uma solução de teste completa de ponta a ponta de RANtoCore™, simulando tráfego do mundo real e garantindo que redes sejam robustas o suficiente para lidar com a complexidade e as demandas dos dispositivos e tráfego em escala.

Somente usando soluções completas de teste e validação de ponta a ponta RANtoCore™ você poderá obter uma visão geral completa da rede e como ela funcionará sob as demandas de cenários de tráfego real.

RANtoCore


20

BILHÕES DE DISPOSITIVOS IOT ATÉ 2020

68%

DOS VEÍCULOS COMPARTILHARÃO DADOS ATÉ 2023

1000000000

ASSINATURAS DE 5G PARA O EMBB ATÉ 2023


Use cases

  • Resiliência e confiabilidade: veículos conectados

    Garantir que a rede seja capaz de suportar os requisitos de latência e confiabilidade para a visão de carros conectados torna-se realidade.

    Resilience and Reliability: Connected Vehicles

    Desafios de teste

    • Latências são críticas – latências curtas podem ajudar a aumentar as densidades e velocidades de tráfego, latências mais longas significam que os veículos devem manter um distanciamento maior para garantir suficiente “tempo para pensar”
    • Usar uma arquitetura de rede convencional com uma rede core distribuída e remota pode causar atrasos significativos, bem como grandes volumes de tráfego através da rede.
    • “Serviço garantido” – informações como frenagem para evitar perigo são essenciais à segurança. O sistema não pode aceitar o equivalente a uma chamada telefônica perdida.
    • As comunicações precisam ser seguras. Nenhum risco de ser hackeado e, por exemplo, acelerar quando é preciso frear.
    • Os usuários nos veículos também consumirão outros serviços, por exemplo, chamadas de vídeo e de voz. Informações sensíveis ao contexto baseadas em Edge Computing também podem ser fornecidas ao usuário. É fundamental que tais serviços não travem as informações críticas de alta prioridade/segurança que são essencialmente transportadas no mesmo enlace de RF.

    Solução de teste

    • Nossa solução pode configurar diversos perfis de usuário para gerar tráfego de dados realista para um teste ao vivo em grande escala
      Uma solução personalizada para colocar sua rede em teste
      Escalável em todos os níveis: número de usuários, quantidade de dados etc.
  • Segurança: desempenho de gateway seguro móvel

    O tráfego móvel da RAN ao Core requer uma conexão segura para evitar ataques cibernéticos na rede RAN e Core.

    Security: Mobile Secure Gateway Performance

    Desafios de teste

    • Criar um ambiente de teste ao vivo será demorado, complicado e caro – criar isto em grande escala não é uma opção possível
    • Os perfis de usuário variam – seria impossível configurar perfis suficientes e gerar tráfego de dados realista para um teste ao vivo
    • Além de ser um cenário impossível, será muito caro implementar este cenário de teste para cada um, com milhares de eNBs de rede ao vivo
    • As expectativas para desenvolver e executar novos serviços rapidamente significam que o procedimento de validação precisa ser eficiente e fácil de implantar em vários locais
    • O teste não é apenas um processo único – uma rede em desenvolvimento requer avaliação regular

    Solução

    • Use nossas soluções de validação para criar um ambiente de teste do mundo real em um laboratório ou ambiente semi ao vivo
    • Emular conexão RAN segura e preencher cada tubo Ipsec seguro com dados de usuário móvel
    • Uma solução personalizada para colocar sua rede em teste
    • Escalável em todos os níveis: número de usuários, quantidade de dados etc.
  • Qualidade de serviço: otimização de vídeo com reconhecimento de rádio

    Fornecer vídeo 4K aos consumidores com confiança.

    Quality of Service: Radio Aware Video Optimization

    Desafios de teste

    • A otimização de vídeo da MEC realmente funciona sob condições e escala reais?
    • Os perfis dos usuários variam – seria impossível e muito caro configurar perfis suficientes e gerar tráfego de dados realista para um teste ao vivo e implementar tal cenário de teste para cada um, com milhares de eNBs de rede ao vivo
    • As expectativas para desenvolver e executar novos serviços rapidamente significam que o procedimento de validação precisa ser eficiente e fácil de implantar em vários locais
    • O teste não é apenas um processo único – uma rede em desenvolvimento requer avaliação regular

    Solução

    • O mecanismo de teste gera carga de tráfego de UE variável com combinação de voz, vídeo e aplicativos de dados reais.
    • O TM500 causa/controla alterações no indicador de qualidade do canal eNB por meio de condições de rádio diferentes e variáveis
    • Essas mudanças devem fazer com que a aplicação de vídeo otimizada da MEC responda adequadamente.
    • O TeraVM também pode complementar a configuração real do eNB com emulação RAN para teste de stress de várias instâncias de servidor MEC
    • Valida CDN de vídeo de “ponta a ponta” com a combinação de arquitetura de plano de usuário distribuída e plano de controle centralizado

Resources

Over 85% of NEMs are using VIAVI RANtoCore Solutions for gNB development.

The following use cases demonstrate how network providers, solution vendors and service integrators use TeraVM to validate a wide range of infrastructure and services for next generation networks, applications and data center service deployments.